Capítulo 26. Configuração do Servidor HTTP Apache

O Red Hat Enterprise Linux oferece a versão 2.0 do Servidor HTTP Apache. Se você deseja migrar um arquivo de configuração existente manualmente, consulte o manual de migração em /usr/share/doc/httpd-<ver>/migration.html ou o Guia de Referência do Red Hat Enterprise Linux para mais detalhes.

Se você configurou o Servidor HTTP Apache com a Ferramenta de Configuração do HTTP nas versões anteriores do Red Hat Enterprise Linux e então executou uma atualização, pode usar a Ferramenta de Configuração do HTTP para migrar o arquivo de configuração para o novo formato da versão 2.0. Inicie a Ferramenta de Configuração do HTTP, faça quaisquer alterações na configuração e salve-as. O arquivo de configuração salvo será compatível com a versão 2.0.

A Ferramenta de Configuração do HTTP permite que você configure o arquivo de configuração /etc/httpd/conf/httpd.conf para o Servidor HTTP Apache. Ela não usa os arquivos de configuração antigos, srm.conf ou access.conf; deixe-os vazios. Através da interface gráfica, é possível configurar diretivas como virtual hosts (máquinas virtuais), logging attributes (atributos de autenticação) e maximum number of connections (número máximo de conexões).

Somente os módulos oferecidos pelo Red Hat Enterprise Linux podem ser configurados com a Ferramenta de Configuração do HTTP. Se instalar módulos adicionais, eles não poderão ser configurados usando esta ferramenta.

Os pacotes RPM httpd e redhat-config-httpd precisam ser instalados para usar a Ferramenta de Configuração do HTTP. Esta também requer o Sistema X Window e acesso root. Para iniciar a aplicação, vá para Botão do Menu Principal => Configurações do Sistema => Configurações do Servidor => HTTP ou digite o comando redhat-config-httpd em uma janela de comandos (em um Xterm ou um Terminal GNOME, por exemplo).

CuidadoCuidado
 

Não edite o arquivo de configuração /etc/httpd/conf/httpd.conf manualmente se você deseja usar esta ferramenta. A Ferramenta de Configuração do HTTP gera este arquivo após você salvar suas alterações e sair do programa. Se quiser adicionar outros módulos ou opções de configuração que não estão disponíveis na Ferramenta de Configuração do HTTP, você não pode usar esta ferramenta.

As instruções gerais para configurar o Servidor HTTP Apache usando a Ferramenta de Configuração do HTTP são as seguintes:

  1. Defina as configurações básicas na aba Principal (main).

  2. Clique na aba Máquinas Virtuais e defina as configurações default.

  3. Na aba Máquinas Virtuais, configure a Máquina Virtual Default.

  4. Se você quer oferecer mais de uma URL ou máquina virtual, adicione as máquinas virtuais.

  5. Defina as configurações do servidor na aba Servidor.

  6. Defina as configurações das conexões na aba Ajuste de Desempenho (Performance Tuning).

  7. Copie todos os arquivos necessários nos diretórios DocumentRoot e cgi-bin.

  8. Saia da aplicação e escolha salvar suas configurações.

26.1. Configurações Básicas

Use a aba Principal para definir as configurações básicas do servidor.

Figura 26-1. Configurações Básicas

Insira um nome de domínio totalmente qualificado que você possa usar no campo Nome do Servidor. Esta opção corresponde à diretiva ServerNameno httpd.conf. A diretiva ServerName define o nome da máquina do servidor web. É usada ao criar URLs de redirecionamento. Se você não definir um nome para o servidor, o servidor web tenta descobrir pelo endereço IP do sistema. O nome do servidor não precisa ser o nome de domínio descoberto pelo endereço IP. Por exemplo: você pode querer definir o nome do servidor como www.exemplo.com enquanto nome DNS real do seu servidor é, na verdade, foo.exemplo.com.

Insira o endereço de e-mail da pessoa que mantém o servidor web no campo Endereço de e-mail do webmaster. Esta opção corresponde à diretiva ServerAdmin no httpd.conf. Se você configurar as páginas de erro do servidor para conter um endereço de e-mail, este endereço será usado para que os usuários possam reportar um problema através de um e-mail para o administrador do servidor. O e-mail default é root@localhost.

Use o campo Endereços Disponíveis para definir as portas através das quais cada servidor aceitará a entrada de pedidos. Esta opção corresponde à diretiva Listen no httpd.conf. Por default, a Red Hat configura o Servidor HTTP Apache para escutar na porta 80 por comunicações web não-seguras.

Clique no botão Adicionar para definir portas adicionais das quais aceitar pedidos. Aparecerá uma janela, conforme a Figura 26-2. Escolha a opção Escutar todos endereços para escutar todos os endereços IP na porta definida, ou então especifique um endereço IP através do qual o servidor aceitará as conexões no campo Endereço. Especifique apenas um endereço IP por número de porta. Se quiser especificar mais de um endereço IP com o mesmo número de porta, crie uma entrada para cada endereço IP. Se for possível, use um endereço IP ao invés de um nome de domínio para evitar uma falha de pesquisa do DNS. Visite http://httpd.apache.org/docs-2.0/dns-caveats.html para mais informações sobre Questões Relacionadas a DNS e Apache.

Inserir um asterisco (*) no campo Endereço é o mesmo que escolher Escutar todos endereços. Clicar no botão Editar no quadro Endereços Disponíveis exibe a mesma janela que o botão Adicionar exceto pelos campos preenchidos para a entrada selecionada. Para apagar uma entrada, selecione-a e clique no botão Apagar.

DicaDica
 

Se você definir que o servidor escute uma porta abaixo da 1024, você deve estar como root para iniciá-lo. Nas portas 1024 e acima, o httpd pode ser iniciado por um usuário comum.

Figura 26-2. Endereços Disponíveis